Marcelo Zulu, do 'No Limite', revela que recorreu à hipnose e comenta explosão física em prova: 'Foi minha medalha de ouro'

  Reprodução Big Brother Brasil / gshow

Marcelo Zulu, do 'No Limite', revela que recorreu à hipnose e comenta explosão física em prova: 'Foi minha medalha de ouro'

Zulu e Viegas ganham imunidade na última disputa entre Calango e Carcará

Imagine ganhar o último embate entre Calango e Carcará em No Limite e, de quebra, ainda garantir uma imunidade na reta final do programa. Esse foi o gostinho que Marcelo Zulu sentiu depois de suar - e muito - a camisa. Na prova, os competidores precisavam empurrar cubos na areia até uma torre para, em seguida, montar uma frase com eles. A disputa exigiu muita força, condicionamento físico e agilidade debaixo de sol forte na Praia Brava.

Zulu, ao empurrar o segundo cubo junto a Paula Amorim, conseguiu ter uma explosão física e dar uma boa vantagem à Carcará, que venceu a prova. Depois disso, ele e Viegas escolheram as caixas premiadas e garantiram as imunidades. Em entrevista ao , ele conta que recorreu à hipnose antes de o programa começar porque estava com dificuldades no treinamento.

Marcelo Zulu durante episódio de 'No Limite'

"A hipnose trabalha no seu subconsciente, com a sua concentração e foco. E sim, ajudou, apesar de eu ter feito poucas sessões. Com certeza, foi bem importante para mim. Porque eu fiz exatamente o que a hipnose tenta fazer: recorri a alguns sentimentos que eu tive durante a minha carreira de atleta para mostrar que eu poderia ir além, que aquele cansaço que eu estava sentindo ali, naquele momento, poderia ser superado", explica.

O treinador diz que, no primeiro cubo, estava "calibrando" o uso da força para não explodir na hora errada. "Caso eu explodisse antes, poderia cansar muito, não aguentar a minha explosão, e eles aumentariam o ritmo e acabariam me alcançando".

Marcelo Zulu se destacou com frases motivacionais na tribo Carcará

Na segunda rodada ao lado de Paula, Zulu conta que sentiu que aquele era o momento de abrir uma distância em relação à Calango e deu a sua força máxima.

"Quando eu realmente tive que recorrer a tudo foi no intervalo, do segundo cubo para o terceiro, porque essa explosão simplesmente me estragou. Não estava aguentando mais, fiz muita força, e o corpo já não aguentava".

"Foi quando tive que recorrer à minha mente. Parei, me concentrei, fiquei tentando buscar essas sensações que tive durante a minha carreira de atleta", lembra.

Carcará vence último embate entre as tribos do 'No Limite'

Apesar do cansaço extremo, Zulu, com o incentivo de Paula, conseguiu seguir na prova e empurrar o último cubo. Porém, na hora de montar a frase para finalizar o embate, a tribo Carcará teve dificuldades. "Nós tivemos problemas na montagem e eu tive novamente que recorrer a tudo e pensar em me superar. Quando eu vi que eles estavam nos alcançando, que faltava muito pouco para eles nos ultrapassarem, eu me joguei debaixo do cubo e o levantei".

Zulu usa o próprio corpo como forma de levantar a caixa em 'No Limite'

"Em condições normais, seria tranquilo fazer uma flexão de braço e levantar o cubo nas costas. Mas, do jeito que eu estava… e com todas as situações do programa, muito sol na cabeça, prova todo dia, alimentação não era mais adequada. São vários fatores que atrapalham", explica ele.

Zulu frisa que a força mental é o que diferencia os grandes vencedores.

"Quando o corpo chega no limite, a única coisa que pode te sustentar é a sua mente. São esses detalhes que fazem a diferença do grande competidor, que chega em primeiro lugar, para outro grande competidor, que está em segundo. O treinamento e as qualidades físicas geralmente são equiparados."

"Daí em diante, só a cabeça que faz a diferença para te sagrar campeão. Essa imunidade foi minha medalha de ouro", comemora.

Zulu tenta motivar a Tribo Carcará após derrotas consecutivas Tribo Carcará

Ele ainda conta que sempre foi um atleta muito explosivo, mas tinha baixa resistência. Porém, ao se preparar para o reality, Zulu diz que falhava nos momentos de explosão. Foi aí que o participante decidiu treinar também a mente.

"Foi muita decepção para mim, durante o treino, eu estar falhando bem na parte que eu mais exijo dos meus atletas, que é acreditar, que é simplesmente esquecer as dores e o seu limite e continuar fazendo o máximo até o final. Com a hipnose, eu acredito que isso deu certo. O resultado veio ali, naquela prova. Considero que teve um efeito positivo. Sem a hipnose eu poderia ter conseguido? Não sei. Com a hipnose, eu consegui", enfatiza.

Viegas, Elana, Paula e Zulu, da tribo Carcará, no nono episódio do 'No Limite'

Reveja tudo o que rolou no nono episódio do 'No Limite':

📌 Siga o No Limite nas redes sociais 👇

No Facebook • No Instagram • No Twitter • No YouTube

Rep: gshow/bbb

depois de Votar Power Couple, vote também na enquete power couple:

Após a saída de Dany e Fábio, qual deve o próximo casal eliminado? – Vote no TOP 5 do Power Couple Brasil.

Enquete Power Couple: Quem deve ganhar o reality? – Vote!




Quem deveria ter ganhado o No Limite?
Vote na nossa enquete e conte sua preferência


Vote Agora!

Comentários

Mais Novidades


Participantes

Paula Amorim

BBB 18 - Empresária de 32 anos está na temporada de 2021 do reality de sobrevivência; saiba mais

Viegas

BBB 18 - Músico de 36 anos está na temporada de 2021 do reality de sobrevivência; saiba mais



Fique por dentro das novidades